terça-feira, maio 08, 2007

Reflexões da Bifida


Languidamente fumo meu cigarro pensando nos inúmeros aspectos do universo que me envolve. Quero relaxar, sentir os prazeres do mundo que me rodeia, mas é-me difícil fazê-lo sem sentir um frio na espinha… um arrepio de medo por me deixar ir. Por muito que pareça descontraída, é o cigarro e a perna cruzada que me denunciam… refugio-me na brasa da tocha e cruzo minhas pernas em sinal de defesa. Pareço disponível…mas não estou. Uma aparente eloquência que mascara uma alma refundida, na ilusória sensatez que move o meu mundo! Desnudo-me aos outros, protegendo minha identidade com a epiderme… essa dificilmente me revelará! Pelo menos assim… não se farão muitas perguntas, não se indagarão muitas questões relativas à minha pessoa… Desnudando-me protejo o meu verdadeiro eu… Expondo a máscara, expondo-a de forma explicita… protejo a minha essência… Quero que me sintam… mas não deixo ser sentida!
Puta Bifida

4 comentários:

Masturbatrix disse...

Cigarro.. Sim. A imagem de marca de puta. Com boquilha!
T.Lutrec!

Uma imagem que rapidamente se vai mudar aí pelos "castradores" anti-fumo... e depois não sei como vais descrever essa sensibilidade toda entre dois clientes.

Puta disse...

Masturbatrix: Há coisas bastante semelhantes a um cigarro, que pela sua forma fálica apela a outros instintos. Duvido que estando eu com o falo erectos dos meus clientes na boca, eles queiram que eu descreva a minha sensibilidade!

Puta Bifida

puta arrogante disse...

lololol
Só tu bifida, é que dás respostas destas! ;)

Masturbatrix disse...

Woinkkkk!!
:]

Sim Bifida! Nessa situação, a sensibilidade que lhes interessa não é a tua mas a dos seus falos erectus. Mesmo!


Mas sabes? Não era bem disso que falava e a resposta surpreendeu-me...
bom... seguramente tenho de reflectir sobre esse teu "profissionalismo"...